Guia de Chatbots 2020: Como escolher o chatbot ideal para a sua organização

Autor Inbot

Escrito por InBot
Redator(a) InBot

Sua empresa pode utilizar chatbots em diversos canais de atendimento. Contudo, a implantação deste recurso deve levar em consideração as características e necessidades do seu negócio.

Neste post, iremos mostrar um guia de chatbots que vai ajudar você a escolher o melhor chatbot para a sua empresa. Continue lendo e descubra!

 

Antes de tudo, você sabe o que são Chatbots?

 

Como o nome sugere, os chatbots são agentes programados (“robôs”) que simulam uma conversa humana em um chat. 

 

Ou seja, um chatbot é um software capaz de simular e manter uma conversa de maneira semelhante aos seres humanos. O recurso tem sido utilizado por empresas para atender clientes, responder dúvidas, dar informações e, em alguns casos, até para vender por meio de sites ou redes sociais.

 

São ferramentas que usam inteligência artificial e acabam otimizando processos e tornando o atendimento das empresas mais eficiente.

 

Guia de chatbots: Confira os 5 tipos mais utilizados

 

 

  • Chatbot otimizador:

 

O principal intuito dele é solucionar dúvidas. Ele possui esse nome pelo fato de otimizar a compra do consumidor.

Isto é, atendimento, dúvidas e decisão de compras lado a lado e sendo bem executados, proporcionando uma experiência incrível. Não é à toa que esse chatbot é um dos mais populares no mercado.

 

 

  • Chatbot proativo

Esse chatbot é especialista em identificar o momento certo para fornecer ou solicitar algum tipo de informação para o lead/cliente.

Dessa forma, não geram irritação no consumidor, pois sabem quando devem abordá-lo. Eles não enviam notificações a todo momento, geralmente são silenciosos e ficam aguardando a ocasião mais adequada para tomar uma atitude.

 

 

  • Chatbot social

 

Normalmente são utilizados para gerar engajamento entre o consumidor e a marca, o que facilita a aproximação de relacionamento com o lead. Eles trabalham enviando mensagens. 

Portanto, cabe a você preparar um conteúdo que envolva os seus clientes emocionalmente, assim como o Bradesco costuma fazer e diversas outras marcas.

O Bradesco utilizou nossas soluções de chatbot para resolver questões de comunicação interna – para acelerar processos – e melhorar o relacionamento com o cliente, através do canal de atendimento no Facebook Messenger.

 

  • Chatbot defesa

Esses bots são especialistas em administrar experiências negativas, tentando minimizá-las o máximo possível. Em uma gestão de crise, por exemplo, ao invés do cliente ter que esperar a empresa entrar em contato (o que pode ser demorado), o chatbot “escudo” intervém e faz o atendimento ao cliente mais rápido, solucionando de forma imediata o problema,ou direcionando-o para a equipe responsável de forma dinâmica.

 

  • Chatbot convencional

São os pioneiros quando falamos na tecnologia de bots de conversas. Você já ouviu falar no Dr. Wilson?

O Dr. Wilson é um Assistente Virtual, cujo o propósito é disseminar conhecimento sobre a transmissão, sintomas, diagnóstico, tratamento e prevenção das doenças mais negligenciadas do planeta.

 

Basicamente essa é a proposta dos chatbots convencionais. Eles estão lá para conversar com o consumidor, sobre quaisquer temas, e, atualmente, são os mais tradicionais no mercado.

 

Guia de chatbots: Acerte na escolha!

 

Agora que você já sabe quais são os formatos de chatbots mais usados, fique atento a alguns detalhes que vamos compartilhar com você para fazer a escolha perfeita.

 

  • Antes de contratar um Chatbot, tenha em mente o seu objetivo, ou seja, aquilo que você quer que essa ferramenta faça. Atendimento? Pesquisa? Conversa? Engajamento? Qual deles?

 

  • Elabore um planejamento que englobe outras áreas da sua empresa e, também, pense em integrar outras ferramentas, como: Automação de Marketing, CRM, E-commerce, Help Desk, entre outras.

 

  • Identifique as suas personas para determinar como você vai se comunicar através de um chatbot. (Uma comunicação efetiva em conjunto de uma ferramenta de chatbot é a combinação perfeita para gerar uma experiência positiva).

 

  • Pense que o seu chatbot é a persona que você criou. Então, preferencialmente, coloque uma foto no chatbot para deixar mais “humanizada” essa comunicação. (Por isso, é preciso que você entenda o comportamento do seu público alvo, para que seja possível criar personas correspondentes).

 

Logo, podemos concluir que o ideal para você, vai depender do seu problema e de como você deseja solucioná-lo. Examine atentamente todos os processos internos da sua empresa e veja como um chatbot pode melhorar a experiência do seu cliente.

 

Quer investir em Chatbots inteligentes e alavancar os resultados da sua marca? Entre em contato conosco através do nosso site. Encontraremos as soluções ideais para o seu negócio!

 

Compartilhe

Newsletter

Receba informações sobre o mundo dos chatbots, inteligência artificial e tecnologia em seu e-mail:

Voice Chatbots

Voice Chatbots: Conheça a experiência do Speech to Text

Conheça o Speech to Text, interface que faz o reconhecimento de voz e transforma o áudio em texto, simultaneamente e qualifica o atendimento.
Troféu HDI Brasil

Troféu HDI Brasil: Bia é a Assistente Virtual do ano

Bia, chatbot criada pela InBot para a empresa Raízen, é eleita a Assistente Virtual do ano e recebe o Troféu HDI Brasil! Confira.