Integrar seu chatbot a um Assistente Pessoal de Voz é simples e traz resultados

Autor Inbot

Escrito por InBot
Redator(a) InBot

Evolução tecnológica é fator de competitividade para as empresas e uma tendência forte na relação com clientes.

O Mapa do Ecossistema de Bots, relatório anual publicado agora em setembro pelo site Mobile Time ouvindo 97 empresas criadoras de bots em todo o Brasil, constata que o número de chatbots de conversação produzidos no último ano cresceu 68%, subindo de 60 mil para 101 mil. Isso mostra que o temores com segurança e privacidade (29% segundo o relatório norte-americano Spiceworks do ano passado) vão sendo superados pela vantagem na redução de custos e, principalmente, por crescimento de demanda e pelo fator competitividade. 

O isolamento social nesse ano de pandemia mudou o mercado rapidamente e acelerou a transformação digital nas organizações. Com as tecnologias de Inteligência Artificial e o Processamento de Linguagem Natural, os caminhos da evolução apontam para a integração do chatbot a um Assistente Pessoal de Voz. 

 

Personagem próprio, roteiro e interação simples

A partir de amplo estudo e sem tecnologias pré-moldadas, essa integração começa pela criação de um personagem próprio, sincronizado ao perfil e valores da marca. Depois, a definição de um roteiro para orientar o chatbot com alta capacidade de reconhecimento e interpretação da linguagem escrita e da voz, eficientes em manter contextos de diálogos lógicos e apropriados. A interação com a plataforma construída precisa ser simples e acessível a qualquer pessoa, dispensando comandos especiais ou navegações em sites.

A integração de um chatbot a um Assistente Pessoal de Voz, em geral, se dá por partes e, conforme os resultados e as necessidades da empresa, é aperfeiçoada no seu uso em um setor para ser expandida depois para outras áreas. Isso se deve ao fato de que o chatbot inteligente aprende ao longo do tempo e melhora sua performance, pois assimila as interações, armazena cada vez mais dados e qualifica o atendimento ao usar essas informações nos próximo contatos.

 

Escolha de aplicações e atenção ao cliente

Exemplos de assistente virtual inteligente, assistente digital, assistente online ou mesmo assistente pessoal doméstico estão à disposição para aprendizados e inspiração, mas importante é ter consciência de que cada sistema integrado tem particularidades específicas, pode ser aproveitado em simultaneamente em diversos canais e desenvolvido para as mais variadas aplicações.

A pesquisa do Mobile Time constatou também que 76% dos desenvolvedores de bots relatam ter observado um aumento da demanda por seus bots durante a pandemia e 64% com a finalidade de atendimento a clientes. Para complementar o sentimento de mercado, outra pesquisa, publicada na Chatbots Magazine no início do ano, informa que 69% dos consumidores já preferiam interagir com chatbots por conta da habilidade de respostas rápidas para questões simples.

E na ideia de múltiplas opções para definir o canal de integração do seu chatbot com um Assistente Pessoal de Voz, é relevante saber que nesse novo contexto de realidade social o Whatsapp vem se consolidando como o principal canal para bots no Brasil: 88% dos desenvolvedores afirmam já ter essa demanda. E cresceu de 19% para 41% no último ano a proporção de fabricantes que têm no Whatsapp o maior número de bots seus em operação.

 

Tendência e caminhos após a pandemia

​​​​​​​Então, se sabe que a pandemia vai passar, mas os especialistas garantem que a tendência de uso de chatbots seguirá em alta em 2021. Os resultados produzidos nessa área, nesse tempo, comprovarão a eficácia das novas ferramentas digitais, não só mantendo mas ampliando seu uso. A crise econômica seguirá preocupando as empresas ainda por muito tempo, mas as soluções com chatbots já são entendidas como investimento e não mais como despesa. E, na retomada econômica, esta tecnologia promete ser protagonista de suporte e sustentação em relacionamento com clientes, crescimento de vendas, marketing e agilização de serviços internos e externos das empresas.

 

 

E então, gostou deste conteúdo? É uma questão de evolução e competitividade integrar seu chatbot a um Assistente Pessoal de Voz. Que tal desenvolver já um chatbot inteligente para a sua empresa e garantir o futuro do seu negócio? Entre em contato conosco através do nosso site e descubra tudo que a InBot pode fazer pela sua empresa.

 

Compartilhe

Newsletter

Receba informações sobre o mundo dos chatbots, inteligência artificial e tecnologia em seu e-mail:

Voice Chatbots

Voice Chatbots: Conheça a experiência do Speech to Text

Conheça o Speech to Text, interface que faz o reconhecimento de voz e transforma o áudio em texto, simultaneamente e qualifica o atendimento.
Troféu HDI Brasil

Troféu HDI Brasil: Bia é a Assistente Virtual do ano

Bia, chatbot criada pela InBot para a empresa Raízen, é eleita a Assistente Virtual do ano e recebe o Troféu HDI Brasil! Confira.